shutterstock 242875126

Introdução pela Comissão de Atletas Olímpicos ao Guia Prático sobre a Luta Contra a Dopagem 2014

O desporto Olímpico assume na sociedade moderna um papel de enorme relevo, não só por ter nos Jogos Olímpicos o maior evento multidesportivo mundial, mas também por todos os valores éticos e cívicos que lhe estão intimamente associados.

O sonho de participar nos Jogos Olímpicos exige aos atletas uma enorme dedicação e sacrifício que são recompensados por um sentimento realização pessoal difícil de descrever em palavras. Por vezes, o desejo de vencer a todo o custo ou a pressão de atingir resultados imediatos leva os atletas a optar pela via aparentemente mais fácil.

O doping é, sem dúvida, o maior flagelo do desporto moderno, pois descarateriza-o e retira-lhe o que de mais importante possui. Valores como a verdade desportiva, o respeito pelos adversários e por si mesmo são todos os dias postos em causa pelo recurso a este tipo de prática.

Um verdadeiro atleta quando saboreia uma vitória, só se sente verdadeiramente campeão se tiver a plena consciência que jogou limpo e para ele o mais importante não é o reconhecimento externo pelo seu resultado, mas sim o enorme estado de realização pessoal por atingir os seus objetivos.

É certo que nem todos os atletas poderão ter a honra de representar Portugal nos Jogos Olímpicos, Campeonatos do Mundo, Campeonatos da Europa, mas a superação diária, sem recurso a mecanismo proibidos, deve ser o principal agente motivacional.

A conhecida expressão mais rápido, mais alto, mais forte não pode ser sinónimo de vencer a todo o custo e deve estar enquadrada nos valores do olimpismo que nos lembram a excelência, o respeito, o fair play e a amizade. O Desporto deve ser o veículo destes valores e um modelo para uma sociedade mais justa, mais tolerante, respeitadora do próximo e das regras e mais saudável.

 

A Comissão de Atletas Olímpicos tem um papel determinante na sensibilização dos atletas para a problemática do Doping e deve fomentar a cooperação destes com a ADOP. Só assim podemos zelar pela verdade desportiva e continuar a fazer do desporto o maior espetáculo mundial.

Infelizmente, o desconhecimento em matéria do Anti-Doping é uma realidade e o que faz do Guia Prático sobre a luta contra a Dopagem uma ferramenta essencial para qualquer atleta, treinador, médico ou agente desportivo. Este manual facilita o acesso à informação, pois apresenta-a atualizada e apresenta de forma bastante bem estruturada os principais mecanismos e instrumentos de combate à dopagem, descrevendo as substâncias e métodos proibidos, as autorizações de utilização terapêutica, o sistema de localização do praticante desportivo, o passaporte biológico, os programas de monitorização, procedimentos e suplementos nutricionais.

Pretende ainda ter uma dimensão de prevenção e de sensibilização da comunidade desportiva para os riscos incontornáveis na saúde dos atletas que recorrem ao uso de substâncias dopantes.

Desta forma será possível evitar situações, ainda algo frequentes, resultantes do desconhecimento dos procedimentos e mecanismos inerentes à luta contra a dopagem.

A Comissão de Atletas Olímpicos deseja que todos os atletas atinjam as suas aspirações e apela a todos os agentes desportivos que se unam à missão da ADoP, porque “Juntos será + Fácil”.

 

João Neto

Presidente da Comissão de Atletas Olímpicos

 

 

Legislação

Questões Frequentes

Direitos e Deveres

Sistema de Localização

Jogo Limpo

Consulta toda a legislação relativa a Antidopagem

Esclarece as tuas dúvidas

 Conhece os teus direitos e deveres Mantém-te informado sobre os procedimentos do Sistema de Localização  Pesquisa sobre medicamentos e substâncias

 

CLIQUE AQUI

 

CLIQUE AQUI

 

CLIQUE AQUI

 

CLIQUE AQUI

 

CLIQUE AQUI